set 042015
 

30 anos de “Rock Grande do Sul”. O ZH 2º Caderno relembra o momento que colocou o rock gaúcho no mapa da música brasileira

A capa do 2º Caderno de 11 de setembro de 1985 anunciava: “Dia histórico para o rock gaúcho”. Pela primeira vez, bandas da cena local seriam atração principal no Gigantinho, até então palco de estrelas nacionais e internacionais. Pois naquela noite de quarta-feira, a partir das 20h30min, o festival Rock Unificado daria essa grande oportunidade a 10 grupos gaúchos, que incluíam desde Garotos da Rua, que já se destacava na Capital e também pelo Interior, a formações mais recentes, como Engenheiros do Hawaii e TNT.

Mas aquele dia entraria para a história ainda por outro motivo: o show coletivo ficaria conhecido como o primeiro passo para lançar o rock gaúcho no mercado nacional. Um olheiro da gravadora RCA estava entre as mais de 10 mil pessoas presentes no ginásio (recorde de público pagante para a cena roqueira do Estado até então) com um objetivo: buscar bandas para gravar uma coletânea que serviria de cartão de visitas para o rock RS). Era o emblemático álbum Rock Grande do Sul, que contava com DeFalla, Engenheiros do Hawaii, Garotos da Rua, Os Replicantes e TNT.

A reportagem teve pesquisa conjunta de Alexandre Lucchese (Zero Hora), Porã Bernardes (Atlântida FM), Fabrício Almeida e Lucio Brancato (ambos da TVCOM). A investigação deu origem a um documentário sobre o disco, que foi exibido na TVCOM no dia 21 de setembro, às 22h45min.

Você pode assistir clicando aqui: [VIDEO] Rock Grande do sul 30 Anos

Fonte: Site da Zero Hora, em 04/09/2015 – verificado em 01/02/2021

Sobre o mesmo tema, o recorte “Rock gaúcho lota o Gigantinho’, sobre o “Festival Unificado entra pra história do Rock Gaúcho.

 Leave a Reply

error: Este site é destinado à leitura, consulta, audição e visualização dos videos.